Arraiolos tapetes

Como sabem gosto muito de trabalhos manuais e após começar a viver com o meu namorado pensamos em comprar tapetes para o quarto mas tudo que eu gostava era um dinheirão (ainda hoje é assim!!! Genes de luxo) ou então eram daqueles tapetes lindíssimos mas com o uso agarram imenso pó. Foi nessa altura que decidi fazer os meus próprios tapetes de arraiolos.

Já vos tinha falado de uma revista  que se chama Clássicos de Arraiolos da Editorial Nascimento, se não comentei vou-vos dizer agora - adoro os desenhos que apresentam são sempre muito bonitos, sejam eles modernos ou clássicos.

Depois de muito ver e ponderar lá me decidi. O porquê de todas as dúvidas? eu sabia que que os tapetes iriam levar muito tempo a fazer e, para além disso, era a primeira peça que estava a fazer para o meu quarto - não tinha cortinados, colcha para a cama - nada. A única coisa que sabia era que não podiam ser com desenhos muito tradicionais pois queria comprar mobília para o meu quarto com design moderno ou linhas muito simples.

Encontrei esta revista que me encheu as medidas:


 Mesmo na última página encontrei uns tapetes simples, com muitas cores e que iriam ficar bem com qualquer colcha ou cortinado que eu pudesse escolher.


 A fotografia mostrava que o tapete do fundo da cama era maior e com cores diferentes dos laterais - podia também brincar com isso. Decidi não fazer o tamanho grande mas brincar com as cores. Caso queiram nesta revista também é possível pedir desenhos com tamanhos diferentes, para ficar de acordo com os tamanhos para nossa casa - no meu caso não valia a pena, o tamanho do tapete pequeno bastava.


Assim foi, os tapetes das laterais foram laranjas e o do meio foi castanho.

Mas tenho que vos confessar uma coisa, eles não foram só feito por mim, eu tirei as medidas, desenhei o local onde iriam ficar as bolas, costurei o friso à volta, as bolas e ainda comecei a encher. Mas a minha mãe e sogra deram uma "ajudinha" na parte do encher e colocar as franjas.  

Mas, mas??? os da revista não tinham franja!!! Pois é, decidi colocar nos meus, tive a fazer umas perguntas a quem tem tapetes de arraiolos e disseram-me que sem as franjas eles se começar a estragar nas pontas mais facilmente.

O resultado final foi este:




 Acho que mesmo com ajuda os tapetes levaram quase uns 8 meses a serem feitos.

Sabem o que é giro no meio disto tudo, é que numa das viagem que fiz pelo Alentejo, em Brotas, vi uma senhora a colocar à janela uns tapetes iguais a estes - as coincidências desta vida!!!


Smile More!!!

Comentários

Postagens mais visitadas